viernes, 3 de julio de 2020

4ª Live Pré-EnPLEE/APEEPR: Hibridismos Lingüísticos desde la Literatura #ficaespanholnoparana

A Associação de Professores de Espanhol do Estado do Paraná (APEEPR) e a Universidade Federal do Paraná (UFPR), organizam conjuntamente neste ano de 2020, lives com a participação de importantes escritores-docentes-pesquisadores, que serão transmitidas via o canal oficial da APEEPR no YouTube e também transmitidas via o Facebook oficial da APEEPR.
Programe-se e participe da 4ª live:
TEMA: Hibridismos Lingüísticos desde la Literatura: Damián Cabrera
CONVIDADO: Damián Cabrera (escritor)
MEDIADORA: Prof. Dra. Débora Cota (UNILA)
DATA: 13/07/2020   HORÁRIO: 17h (horário de Brasília)
LINK DIRETO: clique aqui

CERTIFICAÇÃO: Quem acompanhar pelo menos 6 (seis) das 8 (oito) lives dessa 1ªetapa que serão ofertadas de 25/05/2020 até o mês de setembro terá direito à certificação, pela UFPR, de 8 horas em evento de extensão, desde que responda a um formulário. Esse formulário será disponibilizado apenas no dia 14/09/2020, data da última live dessa 1ªetapa.

As três primeiras já estão disponíveis no canal oficial da APEEPR no YouTube nos seguintes links:

jueves, 25 de junio de 2020

APEEPR 35 anos (1985-2020): algumas ações políticas e linguísticas no período de 2018-2019 #ficaespanholnoparana

Algumas ações Políticas e Linguísticas da Diretoria Geral Estadual da APEEPR no período compreendido de 2018 a 2019, extraídas das Atas das Assembleias:

- Divulgação e acompanhamento, em 19/01/2018, da publicação da Resolução nº015/2018 da SEED-PR que regulamenta a Distribuição de Aulas na Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná, bem como chamando atenção para o artigo 10 que trata especificamente do CELEM;

- Lançamento do livro publicado pela APEEPR intitulado “As identidades e as Relações Étnico-Raciais no Ensino da Língua Espanhola”, editora Pontes, ano de 2018, onde os artigos que compõem o referido livro foram selecionados dos trabalhos apresentados no 17º EnPLEE/APEEPR UEPG 2017 nas modalidades Relatos de Experiências Didáticas, Trabalhos de Pesquisa, Oficinas e Mesas Redondas. Organizadores/as: Gilson Rodrigo Woginski, Ligia Paula Couto, Renana Fagundes de Souza. Autores/as de capítulos: Édina Aparecida da Silva Enevan (IFSC), Gilson Rodrigo Woginski (APEEPR), Jacicarla Souza da Silva (UEL), Letícia Fraga (UEPG), Ligia Paula Couto (UEPG), Naiane Carolina Menta Três (UFFS), Víctor Ricardo Romero Masgo (UEPG), Renan Fagundes de Souza (UEPG);

- 1ª Reunião entre a APEEPR e as Universidades via Skype, em 23/06/2018, para tratar de encaminhamentos relacionados à Língua Espanhola na Matriz Curricular da Educação Básica com a apresentação de um esboço de um “Projeto de Lei” elaborado inicialmente pela APEEPR para discussões e deliberações com os/as professores/as das Universidades para adequações. Outras Reuniões para (re)encaminhamentos ocorreram na sequência 01/09/2018, 22/09/2018, por exemplo;

- Reunião entre a APEEPR e a Assessoria Jurídica da Deputada Estadual Maria Victória Borghetti Barros, Presidente da Comissão do Mercosul e Assuntos Internacionais e integrante da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP), em 20/07/2018, para apresentação da APEEPR e dos documentos MINUTA e JUSTIFICATIVA (Ofício nº011/2018 de 20/07/2018 da APEEPR) relacionadas ao Projeto de Lei sobre o ensino da Língua Espanhola na Matriz Curricular da Educação Básica do Estado do Paraná. Em 13/08/2018, a Assessoria do Gabinete da referida Deputada informou que ao pesquisar os registros da ALEP foi constatado que “a presente sugestão de Projeto de Lei já existe na Assembleia Legislativa e já virou lei”, isto é, Lei Estadual nº11.574/1996 e Lei Estadual nº13.155/2001, sendo, portanto, uma surpresa para todos/as porque até então era algo desconhecido especialmente para os/as professores/as de Língua Espanhola;

- Reunião entre a APEEPR e a Assessoria Jurídica do Deputado Estadual Pedro Lupion, Líder do Governo na ALEP, em 30/08/2018. Na ocasião foi ratificada a informação de que uma vez sendo matéria já tramitada e sancionada não haveria possibilidades de apresentação de novo Projeto de Lei;

- Participação do Ato Público de 30/08/2018 seguido de passeata, organizado pela APP Sindicato/PR referente ao histórico “Dia 30 de Agosto de 1988”, onde a APEEPR usou a faixa “Contra a reforma do Ensino Médio. A favor das Leis Estaduais do Paraná: nº11.574/1996 e nº13.155/2001 #FicaEspanholnoParaná” dando visibilidade à Língua Espanhola;

- Realização da 2ª Reunião Técnica, em 22/09/2018, durante o 18º EnPLEE/APEEPR sediado na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Realeza/PR, entre a APEEPR e as Universidades que ofertam o Curso de Letras com Licenciatura em Língua Espanhola no Estado do Paraná, por proposição da Presidência da DGE/APEEPR (Ato Ad Referendum nº006/2018 de 20/04/2018), objetivando reunir professores/as dos Cursos de Letras (Língua Espanhola) das IES do Estado do Paraná para discutir a situação da oferta dessa Língua Estrangeira tanto na Graduação e Pós-Graduação quanto na Matriz Curricular e Extracurricular da Educação Básica;

- Construção de dados sobre o desmonte do CELEM após a reorganização proposta pela SUED/SEED-PR. Os dados foram sistematizados em tabelas e gráficos, referente ao período de 2012 a 2018, demonstrando que a demanda da oferta de turmas de todos os idiomas foi reduzida de 3.459 para 1.531 e consequentemente a redução do número de matrículas, de 71.190 para 45.930. No caso da demanda da oferta de LEM-Espanhol no CELEM nesse mesmo período, as turmas reduziram de 2.994 para 1.163 e as matrículas de 61.833 para 22.771;

- Construção e divulgação do “modelo” de CARTA COMPROMISSO para ser entregue e assinada pelos/as candidatos/as aos cargos de Deputado/a Estadual e Federal, Senador/a, Governador/a e Presidente nas Eleições de 2018;

- Publicação da CARTA DE APOIO de 18/10/2018 à defesa, permanência e continuidade do ensino da Língua Espanhola no Currículo da Educação Básica no Estado do Paraná produzida pelos/as professores/as do Instituto Federal do Paraná (IFPR) de diferentes campi enviada à APEEPR;

- Ação Conjunta APEEPR e Universidades na gravação de vídeos para o Movimento Fica Espanhol no Paraná 2019
IES - Instituições de Ensino Superior (vídeo geral)
UEL - Universidade Estadual de Londrina (vídeo)
UNIOESTE - Universidade Estadual do Oeste do Paraná (vídeo)
UNESPAR - Universidade Estadual do Paraná (vídeo)
UNICENTRO - Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná (vídeo)
UFPR - Universidade Federal do Paraná (vídeo)

- Reunião entre a APEEPR e o Deputado Estadual Arilson Chiorato, em 14/05/2019  (Ofício nº002/2019 de 30/04/2019), para apresentação da situação da Disciplina Curricular de LEM-Espanhol no Currículo Escolar da Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná. Na ocasião foram traçadas estratégias para continuidade do Movimento #FicaEspanholnoParaná, entre elas o envio de Ofício à Secretaria de Estado da Educação do Paraná (SEED-PR) para obter informações sobre qual seria o tratamento dado à Disciplina Curricular de LEM-Espanhol na atual Gestão, sendo submetido, inicialmente, um REQUERIMENTO à aprovação do Plenário da ALEP. Pela APEEPR participaram o Presidente Prof. Ms. Gilson Rodrigo Woginski, a Secretária Geral Prof. Ma. Hellen Christina Gonçalves e a Tesoureira Prof. Esp. Valdirene de Jesus Ramos Mendes;

- Pró-reitores de Graduação e Ensino das sete Instituições Estaduais de Ensino Superior do Paraná (IEES), integrantes do PROGRADES (Fórum Permanente de Pró-Reitores de Graduação das Universidades Estaduais do Paraná), foram recebidos no último dia 14/05/2019 pelo Superintendente da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SETI), Aldo Bona, em Curitiba/PR. O objetivo foi discutir ações colegiadas para análise de dados sobre evasão nas Universidades, e também foi entregue CARTA CONJUNTA, solicitando Apoia à Oferta da Língua Espanhola. A referida Ação faz parte do Movimento #FicaEspanholnoParaná organizado pela APEEPR e Departamentos/Colegiados dos Cursos de Letras com Habilitação em Espanhol das IES paranaenses;

- Ação Coletiva da APEEPR e Universidades Estaduais (UEL, UENP, UEPG, UNESPAR, UNICENTRO e UNIOESTE) e Federais (UFFS, UFPR e UNILA) com oferta do Curso de Letras Habilitação em Espanhol no contexto paranaense elaboraram conjuntamente o documento CARTA DE APOIO à Oferta do Ensino da Língua Espanhola no Estado do Paraná. Esse documento é para ser endereçado e entregue às Instituições/Organizações (Câmaras de Vereadores, Secretarias Municipais de Educação, Consulados, Sindicatos, etc) para solicitação de MOÇÃO DE APOIO à oferta do ensino da LEM-Espanhol como Disciplina Curricular do Currículo Escolar;

- Envio de OFÍCIO nº032/2019 da APEEPR, em 18/07/2019, às Chefias dos 32 Núcleos Regionais de Educação (NRE) do Estado do Paraná solicitando apoio e atenção especial sobre a Língua Espanhola no Currículo Escolar, a fim de tratar da reorganização da Matriz Curricular, desencadeada a partir da “Reforma do Ensino Médio”;


- Realização da 3ª Reunião Técnica, em 31/08/2019, durante o 19º EnPLEE/APEEPR sediado na Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA), Foz do Iguaçu/PR, entre a APEEPR e as Universidades que ofertam o Curso de Letras com Licenciatura em Língua Espanhola no Estado do Paraná, por proposição da Presidência da DGE/APEEPR (Ato Ad Referendum nº007/2019 de 25/07/2019), objetivando reunir professores/as dos Cursos de Letras (Língua Espanhola) das IES do Estado do Paraná para discutir a situação da oferta dessa Língua Estrangeira tanto na Graduação e Pós-Graduação quanto na Matriz Curricular e Extracurricular da Educação Básica;

- Participação da APEEPR, em 19/09/2019, do I Encuentro de Lengua Española y sus Políticas de Fortalecimiento en el Estado del Paraná, promovido pelo Curso de Letras Português Espanhol da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), Campus de União da Vitória/PR. Com o tema “Políticas Públicas e (Pluri)Linguísticas: o impacto das leis e a recorrência na (re)afirmação da existência da diversidade linguística no/do Paraná e Brasil”, o Presidente da APEEPR Prof. Me. Gilson Rodrigo Woginski e a Secretária Geral da APEEPR Prof. Ma. Hellen Christina Gonçalves desencadearam reflexões sobre a situação da Língua Espanhola na Educação Básica paranaense. Na ocasião, a APEEPR recolheu assinaturas da CARTA DE APOIO (Moção de Apoio) à oferta do ensino da Língua Espanhola no Paraná das autoridades presentes: Carlos Polsin, Chefe do NRE União da Vitória e representante do Deputado Estadual Hussein Bakri; Claudia Schena Rotta, representando Ricardo Brugnago, Secretário Municipal de Educação de União da Vitória; Mariana Honesko, representando a Câmara Municipal de União da Vitória; Elizabete Sampaio Braum, representando do Centro de Línguas CELEM do NRE União da Vitória; Silvia Delong, coordenadora do Colegiado de Letras Português/Espanhol da UNESPAR, campus de União da Vitória;

- Participação da APEEPR, em 29/09/2019, de discussões sobre a oferta da Língua Espanhola no Paraná durante a Jornada Didáctica para Profesores de ELE com a Mesa-Plenária “Enseñar español en el sur de Brasil realidades, prácticas y retos de los estados de frontera”, organizada pelo Instituto Cervantes de Curitiba. Participaram da referida Mesa-Plenária, a Diretora Acadêmica do Instituto Cervantes de Curitiba Prof. Tania Alonso Galán, o Presidente da APEEPR Prof. Ms. Gilson Rodrigo Woginski, a Professora da UFPR Prof. Dra. Nylcéa Pedra de Siqueira, o professor do IFPR Prof. Ms. Natan Gonçalves Fraga e a Gerente de Currículo da Secretaria Municipal de Educação de Curitiba Pedagoga Luciana Zaidan Pereira;

- Envio de OFÍCIO nº034/2019 da APEEPR, de 01/10/2019, às Chefias dos 32 NREs compartilhando ORIENTAÇÕES aos NREs para que esses orientassem adequadamente os Conselhos Escolares das Comunidades Escoalres para realização coletiva de discussões transparentes, deliberações democráticas e posicionamento sobre a manutenção da oferta da LEM-Espanhol na Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná;

- Reunião entre a APEEPR e as Universidades, em 15/10/2019, com a Comissão de Educação da ALEP tratam da oferta da Língua Espanhola na Educação Básica para a apresentação de DOCUMENTO relacionado à implementação da oferta do ensino da Língua Espanhola na Matriz Curricular da Educação Básica do Estado do Paraná. Reunião a pedido do Deputado Estadual Arilson Chiorato com a participação dos Deputados Estaduais Hussein Bakri (Líder do Governo e Presidente da Comissão de Educação/ALEP) e Tiago Amaral (Vice-Líder e Membro da Comissão de Educação/ALEP). Ficou aprovada a realização de uma nova reunião com a presença de Renato Feder, Secretário de Estado da Educação SEED-PR. Participaram além dos deputados, os/as professores/as Prof. Dr. Flavio Pereira (UNIOESTE-Foz do Iguaçu/PR), Prof. Me. Gilson Rodrigo Woginski (Ed.Básica e APEEPR), Prof. Dra. Glenda Heller Cáceres (UFPR), Prof. Ma. Hellen Christina Gonçalves (IFPR e APEEPR), Prof. Dra. Isabel Jasinski (UFPR), Prof. Ma. Melissa Andres Freitas (UEPG), Prof. Dr. Valdir Olivo Júnior (UNICENTRO-Irati);

- Ação Conjunta APEEPR e as Universidades intitulada “Escreva para os/as Deputados/as do Paraná” para pedir o apoio na manutenção da Língua Espanhola nas 61 escolas públicas que já ofertam no Ensino Fundamental e também nas escolas públicas que ofertam no Ensino Médio porque foi escolha democrática da Comunidade Escolar (estudantes, pais, professores e funcionários). Portanto, deve ser assegurada essa oferta e posteriormente, estendida também para outras escolas que também desejassem;

- Reunião entre APEEPR e as Universidades, em 17/12/2019, com o Líder do Governo do Paraná e Presidente da Comissão de Educação da ALEP, Deputado Estadual Hussein Bakri, com o Vice-Líder do Governo Tiago Amaral e com o Secretário de Estado da Educação do Paraná, Renato Feder, para tratar da manutenção da oferta da LEM-Espanhol na Matriz Curricular da Educação Básica do Estado do Paraná apresentando um documento como FUNDAMENTAÇÃO à Proposta de Emenda à Constituição Estadual (PEC) sobre a obrigatoriedade do ensino da Língua espanhola no Estado do Paraná. Reunião agendada e mediada a pedido dos Deputados Estaduais Arilson Chiorato e Tiago Amaral. Participaram o Diretor Pedagógico da SEED-PR Prof. Raph Gomes Alves, Marlene Garozzi Assessora Parlamentar do Deputado Tiago Amaral, os/as professores/as Prof. Ma. Amábile Piacentine Drogui (UNESPAR-Apucarana), Prof. Dra. Glenda Heller Cáceres (UFPR), Prof. Ma. Hellen Christina Gonçalves (IFPR e APEEPR), Prof. Dra. Isabel Jasinski (UFPR), Prof. Dr. Jefferson Januário dos Santos (UEL), Prof. Ma. Melissa Andres Freitas (UEPG).
#FicaEspanholnoParaná

miércoles, 24 de junio de 2020

APEEPR 35 anos (1985-2020): algumas ações políticas e linguísticas no período de 2016-2017 #ficaespanholnoparana

Algumas ações Políticas e Linguísticas da Diretoria Geral Estadual da APEEPR no período compreendido de 2016 a 2017, extraídas das Atas das Assembleias:

Implantação em 2016 da Subseção da APEEPR no município de Ponta Grossa/PR, solicitada pela professora e associada Dra. Rosangela Schardong, professora da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), conforme solicitação via Ofício e tramitação amparados na Instrução nº001/2016. Dentre as atribuições da Subseção está a realização de ações descentralizadas, bem como a organização e planejamento do 17º EnPLEE/APEEPR UEPG 2017;

- Apresentação e discussão, em 08/10/2016, sobre a Medida Provisória nº746 datada do dia 22/09/2016 expedida pelo Poder Executivo, Governo Federal, encaminhada ao Congresso Nacional no que se refere à “Reforma do Currículo Escolar do Ensino Médio”, sobretudo, a alteração do Artigo 36, inciso III, e Artigo 61, inciso IV, da Lei de Diretrizes e Bases da Educação, sigla LDB, número 9394/96, bem como a revogação da Lei Federal número 11.161/2005. Discussão que contou com a presença de professores/as e Estudantes de Letras de diferentes Universidades como a UEPG-Ponta Grossa/PR, UFPR-Curitiba/PR, UNICENTRO-Irati/PR, dos IFPR de Curitiba/PR e Pinhais/PR, das DGS/APEEPR Subseções de Guarapuava/PR e Ponta Grossa/PR, bem como professores/as da Educação Básica, sendo realizada nas dependências da Universidade UFPR, município de Curitiba/PR. As professoras Dra. Deise Cristina de Lima Picanço da UFPR-Curitiba e Dra. Cibele Krause-Lemke da UNICENTRO-Irati, ambas a convite da APEEPR, fizeram exposição assegurando elementos para o início das discussões;

 - Criação e Aprovação de uma Comissão Especial para a elaboração e sistematização de um documento oficial coletivo, que visasse a interlocução entre a Diretoria Geral Estadual (DGE/APEEPR) e demais Instituições Governamentais como a Secretaria SEED-PR, o Conselho Estadual de Educação do Paraná e a Assembleia Legislativa do Paraná. Nesse caso, o documento produzido coletivamente recebeu o nome de “Manifesto Coletivo dos/as Professores/as de Espanhol do Estado do Paraná” (Manifesto publicado em 10/11/ 2016; ver referência e link de acesso):

ASSOCIAÇÃO DE PROFESSORES DE ESPANHOL DO ESTADO DO PARANÁ. Manifesto Coletivo dos/as Professores/as de Espanhol do Estado do Paraná. Curitiba: APEEPR, 2016. 09 p. Disponível em: < http://apeeprenlinea.blogspot.com/2016/11/manifesto-coletivo-dosas-professoresas.html>. Acesso em 21 jun. 2020.

- Envio de Ofícios da APEEPR à Secretaria SEED-PR, solicitando esclarecimentos sobre a “Distribuição de Aulas e Hora-Atividade da Educação Básica” (Ofício nº001/2017), sobre a “Pontuação para Progressão referente ao Plano de Carreira da Educação Básica” (Ofício nº003/2017) e sobre a “Prorrogação dos Afastamentos para Estudos de Mestrado/Doutorado dos/as Professores/as” (Ofício nº006/2017);

- Criação do Coletivo de Professores/as de Língua Espanhola do Estado do Paraná (COPLEPR) em Parceria com a APP Sindicato/PR, por proposição da Presidência da DGE/APEEPR (Ato Ad Referendum nº003/2016). A professora-pedagoga Juliana Costa Barbosa, Assessora da Secretaria Educacional da APP Sindicato/PR explicou sobre em que consiste um Coletivo de Professores/as destacando como se organiza, estrutura e funciona, bem como a relevância e importância desta Ação, inclusive na construção de uma Pauta de Reivindicações Coletiva;

- Criação do Fórum Estadual das Associações de Professores/as de Línguas Estrangeiras do Paraná (FEAPLEPR), por proposição da Presidência da DGE/APEEPR (Ato Ad Referendum nº006/2017 da APEEPR), objetivando a consecução de uma Agenda Conjunta que promova discussões integradas no âmbito estadual, sobretudo a implementação de Políticas Públicas e Linguísticas para as Línguas Estrangeiras com foco no plurilinguismo linguístico, ou seja, um espaço coletivo de diálogo e de cooperação entre a Associação de Professores de Espanhol do Estado do Paraná (APEEPR), a Associação de Professores de Francês do Paraná (APFPR), a Associação dos Professores de Língua e Literatura Inglesa do Paraná (APLIEPAR) e a Associação Paranaense de Professores de Italiano (APIPR). No caso da APPLA-Alemão, em resposta aos e-mails inicialmente não demonstrou interesse ou necessidade dessa coletividade. Ainda, para celebrar a criação do referido Fórum FEAPLEPR, foi realizada no dia 26/08/2017 durante o 17º EnPLEE/APEPR UEPG 2017 uma Mesa-Plenária integrada pelos/as Presidentes/as dessas Associações intitulada “Políticas Públicas e Plurilinguísticas no Estado do Paraná: qual o papel das Associações de Professores de Línguas Estrangeiras?”, bem como firmada a Carta-Compromisso entre essas Associações (Carta publicada em 26/08/2017; ver referência e link de acesso):

FÓRUM ESTADUAL DAS ASSOCIAÇÕES DE PROFESSORES/AS DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS DO PARANÁ. Carta Compromisso. Ponta Grossa: FEAPLEPR, 2017. 01 p. Disponível em: <http://forumfeaplepr.blogspot.com/2017/08/criacao-do-feaplepr-forum-estadual-das.html>. Acesso em 21 jun. 2020.

- Ação Conjunta e Colaborativa entre as Associações que compõem o Fórum FEAPLEPR objetivando o enfrentamento em oposição à Avaliação do Centro de Línguas CELEM realizada pela Secretaria SEED-PR. A referida Avaliação objetivava obter informações sobre o funcionamento do CELEM, mas apenas com a participação dos/as professores/as, estudantes e diretores/as das escolas que o ofertavam. Em uma das perguntas, era direcionada a oferta do CELEM de forma concentrada em poucas escolas sob o pretexto de com isso se obter qualidade. Diante dessa situação, foi criada uma Consulta Aberta, proposição da APEEPR, em parceria com as demais Associações que integram o Fórum FEAPLEPR com o objetivo de uma participação mais ampla da população paranaense também beneficiada de modo a ampliar o debate acerca da oferta dos Cursos do CELEM no Estado do Paraná;

Mais informações das ações conjuntas, ver Blog do Fórum FEAPLEPR: http://forumfeaplepr.blogspot.com/

- Criação e Realização da 1ª Reunião Técnica, em 26/08/2017, durante o 17º EnPLEE/APEEPR sediado na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Ponta Grossa/PR, entre a APEEPR e as Universidades que ofertam o Curso de Letras com Licenciatura em Língua Espanhola no Estado do Paraná, por proposição da Presidência da DGE/APEEPR (Ato Ad Referendum nº010/2017 de 30/06/2017), objetivando reunir professores/as dos Cursos de Letras (Língua Espanhola) das IES do Estado do Paraná para discutir a situação da oferta dessa Língua Estrangeira tanto na Graduação e Pós-Graduação quanto na Matriz Curricular e Extracurricular da Educação Básica;

- Implantação em 2017 da Subseção da APEEPR no município de Realeza/PR, solicitada pela professora e associada Me. Naiane Carolina Menta Três, Vice-Presidenta da DGE/APEEPR e professora da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), conforme solicitação via Ofício e tramitação amparados na Instrução nº001/2016. Dentre as atribuições da Subseção está a realização de ações descentralizadas, bem como a organização e planejamento do 18º EnPLEE/APEEPR UFFS 2018;

- Envio de SOLICITAÇÃO DE APOIOem 19/09/2017, bem como de posicionamento das Universidades no que se refere à Lei nº13.415/2017 que instituiu a Política de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral;

- Envio do Manifesto Coletivo às Reitorias das IES estaduais e federais, em 21/09/2017, bem como entrega pessoal pelo Departamento de Estudos da Linguagem da UEPG, ao reitor da UPEG que também era Presidente da Associação Paranaense das Instituições de Ensino Superior Público (APIESP), Professor Carlos Luciano Sant’Ana Vargas. Manifesto que se posiciona contra a Lei Federal nº13.415/17, da reforma do Ensino Médio, que estabeleceu a obrigatoriedade de ensino de apenas um idioma na Educação Básica;

- Envio de documento com posicionamento e considerações da APEEPR, em 06/10/2017, bem como Orientações sobre a reorganização do Centro de Línguas Estrangeiras Modernas (CELEM), na Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná, promovida pela Superintendência de Educação do Paraná da Secretaria SEED-PR;

- Participação da Ação conjunta via o Fórum FEAPLEPR com envio de Ofício nº001/2017 de 19/10/2017 à SUED/SEED-PR para agendar Reunião para tratar da reorganização do CELEM;

- Reunião entre o Fórum FEAPLEPR e a SEED-PR, em Curitiba/PR, 14/11/2017, para tratar da reorganização do CELEM contando com a participação dos/as representantes da SUED/SEED-PR, Prof. Ines Carnieletto, Superintendente da Educação e Prof. Cassiano Roberto Nascimento Ogliari, Chefe do Departamento de Educação Básica (DEB) da SEED-PR. Nessa Ação, representando o Fórum FEAPLEPR estiveram presentes a Prof. Ana Claudia Cury Calia de Souza-Luz, Presidenta da APLIEPAR-Inglês, Prof. Deise Cristina de Lima Picanço, Assessora da Presidência da APEEPR e professora da UFPR, Curitiba/PR, Prof. Gilson Rodrigo Woginski, Presidente da APEEPR, Prof. Lucia Sgobaro Zanette, Presidenta da APIPR-Italiano, Prof. Luciana Lanhi Balthazar da Diretoria da APIPR e professora da UFPR, Curitiba/PR, Prof. Taisa Pinetti Passoni, da Diretoria da APLIEPAR e professora da UTFPR, Pato Branco/PR e Prof. Valdirene de Jesus Ramos Mendes, da Diretoria da APEEPR;

- Participação da Ação conjunta via o Fórum FEAPLEPR com envio de Ofício nº002/2017 de 17/11/2017 à Presidência da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (ALEP), Deputado Estadual Hussein Bakri, para agendar Reunião para tratar da reorganização do CELEM;

- Participação via Fórum FEAPLEPR, em 18/11/2017, da Assembleia do Núcleo Sindical Curitiba Sul da APP Sindicato/PR, em Curitiba/PR, representado pela Presidência da APEEPR, expondo sobre a preocupante cessação tanto de turmas quanto do próprio CELEM, por parte da SEED-PR, para concentrá-lo em poucas escolas em forma de polos;

- Participação via Fórum FEAPLEPR, em 25/11/2017, da Assembleia Estadual da APP Sindicato/PR, em Curitiba/PR, representado pela Presidência da APEEPR, expondo dados sobre o desmonte pedagógico do CELEM por parte da SEED-PR previsto para o ano letivo de 2018;

- Construção de dados via Fórum FEAPLEPR para subsidiar as discussões e explicar as principais mudanças no CELEM chamando a atenção através de um Quadro Comparativo para que os/as professores/as, pedagogo/as, diretores/as e sociedade geral entendesse a reorganização e as perdas das Comunidades Escolares;

- Ação Coletiva entre o Fórum FEAPLEPR e as Instituições de Ensino Superior (IES) do Estado do Paraná em que o Fórum solicitou posicionamento e apoio das IES o qual se deu via manifestações de Carta-Manifesto no que se refere à defesa do Centro de Línguas Estrangeiras Modernas (CELEM). As referidas Cartas, disponibilizadas no Blog do Fórum, demonstraram a contrariedade à reorganização do CELEM defendida pela SEED-PR. A reorganização pretendida ocasionou prejuízos pedagógicos aos/às estudantes como o fechamento do CELEM de várias escolas para concentra-lo em outras poucas escolas, e consequentemente, diminui o número de vagas/matrículas, bem como implicou na redução da carga horária para distribuição de aulas entre os/as professores/as concursados/as de Línguas Estrangeiras Modernas (LEM);

- Reunião entre o Fórum FEAPLEPR e a Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Estado Paraná (ALEP), Auditório Legislativo, em 11/12/2017. Essa Reunião foi solicitada pelo Fórum FEAPLEPR via Ofício nº002/2017 de 17/11/2017 à Presidência da Comissão de Educação da ALEP. Participaram da Reunião os Deputados Estaduais Hussein Bakri, Presidente da Comissão de Educação, Professor Lemos e Cantora Mara Lima, ambos integrantes dessa Comissão. O Deputado Estadual Rasca Rodrigues também se fez presente, bem como Dr. Pascoal Muzeli Neto, Chefe do Gabinete do Deputado Estadual Marcio Pacheco. Nessa Ação Conjunta, representando o Fórum FEAPLEPR estiveram presentes o Presidente da APEEPR-Espanhol, Prof. Gilson Rodrigo Woginski, a Vice-Presidenta da APLIEPAR-Inglês, Prof. Taisa Pinetti Passoni, Prof. Luciana Lanhi Balthazar, da Diretoria da APIPR-Italiano. Nessa Ação a APP Sindicato/PR esteve presente com a Prof. Walkiria Mazeto. Representando a Secretaria SEED-PR, Prof. Ines Carnieletto, Superintendente da Educação, Prof. Cassiano Roberto Nascimento Ogliari, Chefe do Departamento de Educação Básica (DEB), Prof. Reginaldo Ferraz Pires, Técnico Pedagógico da Coordenação de Educação Integral do DEB/SUED/SEED-PR. Ainda, estiveram presentes a Prof. Deise Cristina de Lima Picanço da UFPR, estudantes do PIBID-Letras/UFPR, professores/as da Educação Básica de Língua Espanhola, Inglesa e Italiana, professore/as e pesquisadores/as da Área de Línguas Estrangeiras da UEL, diretores/as de escolas públicas estaduais, estudantes e ex-estudantes do CELEM, estudantes do Ensino Médio da Educação Básica e representantes dos Núcleos Sindicais Curitiba Norte e Curitiba Sul da APP Sindicato/PR;

- Envio de Ofício nº015/2017 de 14/12/2017 do Fórum FEAPLEPR à SUED-SEED-PR, considerando a urgência da oficialização dos assuntos pautados, debatidos e deliberados sobre a (re)organização, funcionamento e demanda das turmas do CELEM em Reunião datada do dia 11/12/2017 junto à Comissão de Educação da ALEP, solicitou informações referentes ao acordado sendo: item 1) Informações sobre a realização do processo de autorização da prorrogação do período de Pré-Matrículas, data de início e término, bem como da comunicação tanto às Chefias dos NREs quanto às Direções das Escolas, sem exceções, item 2) Informações sobre a realização do processo de autorização da abertura para o funcionamento das turmas do Curso de Aprimoramento tendo como único critério, o número mínimo de estudantes, neste caso 15, conforme Instrução nº010/2013 a qual trata do formato vigente até ano letivo de 2017, item 3) Informações sobre autorização da manutenção da oferta da mesma demanda ano letivo de 2017 para o ano de 2018. Também foi solicitado o envio da Relação de todos os Estabelecimentos de Ensino da Rede Pública Estadual de Educação Básica que ofertariam os Cursos do CELEM para o ano letivo de 2018, a fim de que o Fórum FEAPLEPR também pudesse colaborar com a ampla divulgação, e solicitado um novo estudo sobre os impactos que ocasionaria a concentração da oferta do CELEM em poucas escolas, ou seja, prejuízos pedagógicos e exclusão das Comunidades Escolares;

- Participação da Mesa-Plenária, em 14/12/2017, na Universidade Estadual de Londrina (UEL), Londrina/PR, com o tema "O Espanhol no Paraná: passado, presente e futuro" tendo como debatedores/as, Prof. Mndo. Gilson Rodrigo Woginski (APEEPR) Prof. Dr. Jefferson Januario dos Santos (UEL) e Prof. Mnda. Dayane de Souza Silva (Ed. Básica) com a mediação do Prof. Dr. Otavio Goes de Andrade (UEL). Esse debate contou com a participação tanto de Professores/as e Estudantes do Curso de Letras da UEL quanto de professores/as da UNESPAR-Apucarana.
#FicaEspanholnoParaná


martes, 23 de junio de 2020

APEEPR 35 anos (1985-2020): algumas ações políticas e linguísticas no período de 2014-2015 #ficaespanholnoparana

Algumas ações Políticas e Linguísticas da Diretoria Geral Estadual da APEEPR no período compreendido de 2014 a 2015, extraídas das Atas das Assembleias:

- Proposição de Ação intitulada “A importância da Associação de Professores na implementação de Políticas Públicas e Linguísticas para o Ensino da Língua Espanhola no Estado do Paraná. ¡Asóciate!” para a realização do Projeto Intitulado “APEEPR Itinerante” idealizado pelo presidência da APEEPR, objetivando a apresentação e aproximação da APEEPR com os/as professores/as do Estado do Paraná, a promoção de reflexões sobre a importância da APEEPR das ações coletivas, a criação de Subseções da APEEPR e a busca por uma maior adesão de associados/as;

- Reunião entre APEEPR e Colegiado de Letras da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), Campus de União da Vitória/PR, bem como Palestra destinada aos/às estudantes desse Curso de Letras intitulada “A importância da Associação de Professores na implementação de Políticas Públicas e Linguísticas para o Ensino da Língua Espanhola no Estado do Paraná”;

- Participação do Ato Público de 30/08/2014 seguido de passeata, organizado anualmente pela APP Sindicato/PR referente ao dia 30/08/1988 onde a APEEPR usou a faixa “Contra o Monolinguismo e a favor do Multilinguismo no Ensino de Línguas" dando visibilidade à Língua Espanhola;

- Participação do Ato Público de 25/02/2015 seguido de passeata, organizado pela APP Sindicato/PR referente ao início da Greve da Educação Pública Estadual do Paraná onde a APEEPR usou a faixa “O Centro de Línguas Estrangeiras (CELEM), em funcionamento desde 1986, foi conquistado de forma democrática pelos paranaenses. Respeito e valorização já!” dando visibilidade às Línguas Estrangeiras Modernas;

- Participação no Ato Público de 19/05/2015 seguido de passeata, organizado pela APP Sindicato/PR referente ao dia 29 de Abril de 2015 período da Greve da Educação Pública Estadual do Paraná onde a APEEPR usou a faixa Menos balazos. Más tizas. El 29/04/2015 no se nos olvidó” dando visibilidade à Língua Espanhola;

- Envio de Ofícios da APEEPR aos/às Deputados/as Estaduais da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (ALEP), contendo sugestões de Emendas ao Plano Estadual de Educação do Paraná (PEE-PR);

- Participação na Audiência Pública da ALEP de 25/05/2015 a convite do Deputado Estadual Professor Lemos para apresentar sugestões e debater o Projeto de Lei Estadual nº377/2015 que tratava do PEE-PR, apresentando à Audiência Pública as Emendas Aditivas elaboradas pela APEEPR para a manutenção da Disciplina Curricular de Língua Espanhola tanto na Matriz Curricular quanto no CELEM;

- A partir da referida Audiência Pública a APEEPR passou a integrar a Equipe responsável pelas discussões e sistematização das Emendas ao Projeto de Lei junto com outras Instituições como as Universidades Estaduais do Estado do Paraná, a Superintendência de Educação da SEED-PR e a APP Sindicato/PR (em 01/06/2015, por exemplo, a APEEPR se reuniu com as demais Instituições para uma Reunião de Trabalho presencial na Sede da APP Sindicato/PR objetivando o debate, discussões e reflexões sobre as Emendas de cada Instituição, sistematizando-as);

- Visitação aos 54 Gabinetes dos/as Deputados/as Estaduais do Estado do Paraná, conforme acordado com a Equipe de Sistematização das Emendas ao PEE-PR. Essas visitas consistiam na apresentação da APEEPR aos/às Deputados/as da ALEP e na exposição e entrega das Emendas ao PEE-PR propostas pela APEEPR (Ofício nº013/2015 de 01/06/2015). As referidas Emendas e justificativas se referiam às Estratégias de diferentes Metas. Por exemplo, as Emendas Aditivas referentes à Meta 3, “3.25 Garantir a implementação de Políticas Públicas e Linguísticas para o processo de Ensino de LEM no Ensino Médio; 3.25.1 Assegurar que o estudante escolha a LEM que estudará obrigatoriamente no seu horário regular de aula, conforme dispõe a LDB 9394/96 no seu Artigo 36, Inciso III, tendo como referência o disposto na Lei Federal nº 11.161/2005 de 05 de agosto de 2005 que trata da oferta obrigatória da LEM-Espanhol na sua Matriz Curricular; 3.25.2 Manter e reorganizar a oferta optativa de LEM aos estudantes do Ensino Médio nos Centros de Línguas Estrangeiras Modernas, bem como fortalecer esses Centros com vistas à elaboração de materiais didáticos como o Livro Didático, por exemplo, e ao enfrentamento da evasão e da desistência; 3.25.3 Articular e formalizar Parcerias, em regime de colaboração, entre o Estado do Paraná, as IES, as Associações de Professores e as Instituições estrangeiras através de suas Embaixadas e seus Ministérios de Educação para a Formação Continuada dos professores de LEM”. Das 26 Emendas Aditivas e 01 Emenda Modificativa apresentadas, destas apenas 03 Aditivas foram acatadas pelos/as Deputados/as Estaduais que compõem a Comissão da Educação da ALEP. O PEE-PR foi sancionado pela Lei Estadual nº18.492/2015 datada de 24/06/2015 devendo o Estado do Paraná, na Meta 2 (Anos Finais do Ensino Fundamental: Estratégia 2.29, p. 63), na Meta 3 (Ensino Médio: Estratégia 3.25, p. 66) e na Meta 11 (Educação Profissional Técnica: Estratégia 11.14, p. 83), “promover a implementação de Políticas Públicas e Linguísticas para o processo de Ensino de Língua Estrangeira Moderna” (PARANÁ, 2015). 


PARANÁ. Plano Estadual de Educação do Paraná (PEE-PR). Curitiba, 2015. 105 p. Disponível em: <https://www.legislacao.pr.gov.br/legislacao/pesquisarAto.do?action=exibir&codAto=143075&indice=1&totalRegistros=1&dt=9.11.2019.9.28.22.840>. Acesso em 20 jun. 2020.

- Emissão e publicação de Notas Públicas da APEEPR repudiando as ações do Governo do Estado do Paraná no que se refere ao Desmonte Pedagógico da Educação Básica e do Ensino Superior, a falta de nomeação e contratação de professores/as de LEM-Espanhol e o fechamento das turmas de LEM-Espanhol ofertadas através do CELEM.

- Emissão e publicação de Ofícios da APEEPR enviados à Casa Civil do Governo do Estado do Paraná, à Secretaria SEED-PR, ao GRHS/SEED-PR, aos/às Deputados/as Estaduais do Estado do Paraná e à APP Sindicato/PR, demonstrando preocupação pelo tratamento do Governo do Estado do Paraná com as Língua Estrangeiras, com a necessidade de nomeação de professores(as) aprovados(as) no último Concurso Público realizado no ano de 2013 e também a contratação de professores(as) através do Processo Seletivo Simplificado (PSS);

- Realização de levantamento para a elaboração de um artigo para um livro sobre os 10 anos da “Lei do Espanhol” a pedido da Comissão Organizadora do 16º CBPE/UFSCar 2015 (artigo publica em 2016).

WOGINSKI, G. R.; COSTA, L. J. de M. A situação da oferta (2005-2015) do Ensino de LEM-Espanhol na Rede Pública Estadual/Federal de Educação Básica no Estado do Paraná. In: BARROS, C.; COSTA, E.; GALVÃO, J. (Orgs.) Dez anos da “Lei do Espanhol” (2005-2015). Belo Horizonte (MG): VivaVoz, 2016. p. 425-469. Disponível em: <http://www.letras.ufmg.br/padrao_cms/documentos/eventos/vivavoz/Dez%20anos%20da%20Lei%20do%20Espanhol.pdf>. Acesso em 20 jun. 2020.

- No que se refere à situação atual do Estado do Paraná após os dez anos de publicação da Lei Federal nº11.161/2005, os referidos dados apresentados demonstram que nos anos letivos de 2010 e 2011 foram o boom da oferta de LEM-Espanhol no Estado do Paraná através do CELEM, provavelmente devido à publicação da Deliberação nº006/2009 de 15/12/2009 do Conselho Estadual de Educação do Paraná (CEE-PR), que dispõe sobre a implementação da Lei Federal nº11.161/2005 entendendo que esta poderá ser cumprida com a oferta no CELEM. Os dados apresentados foram os seguintes: ano de 2006 (244 escolas, 830 turmas, 13.509 matrículas e 205 professores), teve um aumento de 74% em 2010 (1.007 escolas, 2.199 turmas, 54.325 matrículas e 648 professores) e de 82% em 2011 (1.402 escolas, 3.470 turmas, 70.000 matrículas e 917 professores), mas neste ano de 2015 (1.007 escolas, 2.180 turmas, 43.084 matrículas e 1.048 professores) é visível uma queda na oferta. Esse levantamento demonstra a falta de Política Pública e Política Linguística para a área das Línguas Estrangeiras.
#FicaEspanholnoParaná

domingo, 21 de junio de 2020

1ª Reunião Aberta do Fica Espanhol no Paraná, 27/06/2020 (sábado), 14h (horário de Brasília) via Google Meet

1ª Reunião Aberta do Fica Espanhol no Paraná
DATA: 27/06/2020 (sábado)
HORÁRIO: 14h (horário de Brasília)
PÚBLICO: professores/as da Educação Básica, docentes e estudantes dos Cursos de Letras com Habilitação em Língua Espanhola do Estado do Paraná.
PLATAFORMA: Google Meet

#FicaEspanholnoParaná

3ª Live Pré-EnPLEE/APEEPR: Ensino de Espanhol no Paraná - Ações e Perspectivas #ficaespanholnoparana

A Associação de Professores de Espanhol do Estado do Paraná (APEEPR) e a Universidade Federal do Paraná (UFPR), organizam conjuntamente neste ano de 2020, lives com a participação de importantes escritores-docentes-pesquisadores, que serão transmitidas via o canal oficial da APEEPR no YouTube e também transmitidas via o Facebook oficial da APEEPR.
Programe-se e participe da 3ª live:
TEMA: Ensino de Espanhol no Paraná - Ações e Perspectivas
CONVIDADOS/AS: Prof. Dra. Jacicarla Souza da Silva (UEL) e Prof. Dra. Amábile Piacentine Drogui (UNESPAR)
MEDIADORA: Prof. Dra. Pollianna Milan (Ed. Básica e UFPR)
DATA: 29/06/2020   HORÁRIO: 17h (horário de Brasília)
LINK DIRETO: clique aqui

CERTIFICAÇÃO: Quem acompanhar pelo menos 6 (seis) das 8 (oito) lives dessa 1ªetapa que serão ofertadas de 25/05/2020 até o mês de setembro terá direito à certificação, pela UFPR, de 8 horas em evento de extensão, desde que responda a um formulário. 
Esse formulário será disponibilizado apenas no dia 14/09/2020, data da última live dessa 1ªetapa.

A 1ª live e a 2ª live já estão disponíveis no canal oficial da APEEPR no YouTube nos seguintes links:


#FicaEspanholnoParaná

jueves, 18 de junio de 2020

Sugerencia de Actividades para el Classroom: sitio con Podcast y Test sobre famosos/as como Frida Kahlo y Salvador Dalí

SUGERENCIA de actividades, incluso para el uso en los actuales aulas de clase, en este caso, el Classroom. La página Vidas en Español tiene unos podcasts sobre la vida de algunos/as famosos/as como Frida Kahlo, Salvador Dalí, Antoni Gaudí, entre otros/as. Una de las actividades propouestas, tras escuchar el podcast, es verificar qué los/as estudiantes han entendido a partir de un Test muy bien organizado. Enlace: aquí.

A ver, ¿qué es un podcast y cómo funciona? Un podcast es una publicación digital periódica en serie, ya sea en audio o en video, y que normalmente se puede descargar de Internet. Leer más.