lunes, 25 de noviembre de 2019

PARTICIPE: Escreva para os/as Deputados/as do Paraná #FicaEspanholnoParaná

PARTICIPE: Ação Conjunta #FicaEspanholnoParaná
Arquivo com os endereços de e-mails: CLIQUE AQUI
Vamos enviar e-mail aos/âs Deputados/as Estaduais do Estado do Paraná?
Para quê? Para pedir que apoiem a manutenção da Língua Espanhola nas 61 escolas públicas que já ofertam no Ensino Fundamental e também nas escolas públicas que ofertam no Ensino Médio porque foi escolha democrática da Comunidade Escolar (estudantes, pais, professores e funcionários) dessas escolas. Portanto, deve ser assegurada essa oferta e posteriormente, estendida também para outras escolas que também desejarem. (OBS: Secretaria Educação SEED-PR determinou a retirada do Espanhol dessas escolas já em 2020).
Quem é que pode pagar para aprender Espanhol? Poucos, porque os cursos são caros.
Quem pode participar enviando e-mails? Sociedade em geral, professores/as, pedagogos/as, funcionários/as e estudantes da Rede Estadual de Educação Básica do Paraná e estudantes e professores/as dos Cursos de Letras Espanhol e familiares.



martes, 29 de octubre de 2019

Edital Inscrições Centro de Línguas CELEM do Colégio Estadual do Paraná (CEP), Curitiba/PR.

O Centro de Línguas Estrangeiras Modernas (CELEM) ofertado desde 1986 pelo Colégio Estadual do Paraná (CEP) terá suas inscrições ONLINE abertas a partir do dia 11/11/2019, às 18h, para os Cursos com início no ano letivo de 2020. É importante ler o Edital na íntegra.
Histórico: A partir das ações conjuntas entre as Associações de Professores de Línguas Estrangeiras do Estado do Paraná (APPLA-Alemão, APEEPR-Espanhol, APFPR-Francês e APIPR-Italiano) e sociedade em geral, foram reivindicadas políticas públicas e plurilinguísticas para o ensino de LEM, criando-se em 15 de agosto de 1986, através da Resolução nº3546/1986, o Centro de Línguas Estrangeiras Modernas (doravante CELEM), como “um espaço pedagógico para o ensino de LEM” devendo ser ofertado em todos os estabelecimentos de ensino da Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná, rompendo com as práticas linguísticas hegemônicas e monolíngues, sobretudo democratizando o acesso dos(as) estudantes e comunidade ao estudo das diferentes línguas, culturas e etnias formadoras da identidade do povo paranaense e brasileiro.
Edital nº021/2019 de 29/10/2019: clique aqui


Compartilhe essa ideia: Paraná Trilíngue Español English Português #FicaEspanholnoParaná

“Educação trilíngue: vantagens do letramento em mais de um idioma 
Saiba como aprender novas línguas desde cedo ajuda no desenvolvimento da criança e gera efeitos positivos para toda a vida. Além da possibilidade de interagir com outras culturas, tornar-se um cidadão do mundo e, futuramente, contar com uma importante ferramenta para o mercado de trabalho, a ciência comprova que dominar outros idiomas ajuda no desenvolvimento das funções cognitivas.
Sem dúvida, uma habilidade essencial para o mundo contemporâneo é a capacidade de ser multitarefas. Um estudo da Universidade Estadual da Pensilvânia, Estados Unidos, apontou que, especialmente para crianças, o aprendizado multilíngue prepara a mente para a troca rápida entre sistemas de falas diferentes, o que se transfere para outras atividades do dia a dia. Assim, a pessoa também se torna mais observadora e com maior capacidade de foco, o que favorece toda a vida escolar e o desenvolvimento de uma carreira profissional.
Ao longo da vida, uma educação plural ainda contribui para melhorar a tomada de decisões, segundo um estudo da Universidade de Chicago, EUA, e tem consequências positivas até para um envelhecimento mais sadio. Como visto, o ensino de idiomas é benéfico para o desenvolvimento da criança, inclusive facilitando a aprendizagem de outros assuntos, e tem efeitos muito proveitosos na fase adulta”.




miércoles, 16 de octubre de 2019

Mercosul e União Europeia serão temas de audiências de Comissão da Alep #EspanholFazMaisSentidonoParanánoBrasil #FicaEspanholnoParaná

A Comissão do Mercosul e Assuntos Internacionais da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP) vai realizar duas audiências públicas para debater projetos de interesse do Paraná. A primeira vai discutir o acordo de cooperação econômica firmado entre o Mercosul e a União Europeia...
[...] “O Paraná é grande exportador para o continente europeu, especialmente de produtos agropecuários e a Assembleia precisa entender como pode ajudar o Estado a se posicionar diante dessa nova realidade”,
[...] “A Zona Franca de Foz do Iguaçu é uma reivindicação antiga da região Oeste e pode provocar mudanças econômicas e sociais profundas, com reflexos em todo o Estado”
[...] “A ferrovia bioceânica Paranaguá/Brasil-Antofagasta/Chile representa um salto extraordinário no acesso aos mercados da Ásia para os produtos paranaenses, daí sua importância”

lunes, 14 de octubre de 2019

Dia 15/10/2019, reunião Comissão Educação/ALEP #FicaEspanholnoParaná

O grupo que compõe o Movimento #FicaEspanholnoParaná, representado por membros da Associação de Professores de Espanhol do Estado do Paraná (APEEPR),  por professores(as) da Educação Básica, dos Institutos Federais do Paraná (IFPR), dos cursos de Letras Espanhol de diferentes universidades estaduais e federais paranaenses, se reunirá neste dia 15/10/2019 com os(as) deputados(as) estaduais na Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (ALEP) para dialogar sobre a oferta do ensino da Língua Espanhola na Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná. 
Todos(as) aqueles(as) que acreditam na oferta da pluralidade de línguas dentro das escolas, precisam se envolver e, neste momento, pedimos para que colaborem compartilhando nossos posts nas suas Redes Sociais. 

Instagram APEEPR: @apeepr
Instagram Movimento: @ficaespanholnoparana


martes, 1 de octubre de 2019

APEEPR e Cursos de Letras das Universidades orientam os 32 NREs e os Conselhos Escolares das escolas para realização coletiva de discussões transparentes, deliberações democráticas e posicionamento sobre a manutenção da oferta da LEM-Espanhol na Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná #FicaEspanholnoParaná


Considerando as últimas orientações constantes no Ofício Circular nº108/2019 datado de 19/09/2019 emitido pela Diretoria de Educação da Secretaria de Estado da Educação do Paraná (DEDUC/SEED-PR), que trata da cessação da oferta da Disciplina Curricular de LEM-Espanhol nos Anos Finais do Ensino Fundamental da Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná, o Movimento #FicaEspanholnoParaná, ação conjunta entre a Associação de Professores de Espanhol do Estado do Paraná (APEEPR) e os Cursos  de Letras das Universidades que ofertam no Estado do Paraná a Licenciatura em Letras com Habilitação em Língua Espanhola (UEL, UENP, UEPG, UFFS, UFPR, UNESPAR, UNICENTRO, UNILA e UNIOESTE), encaminha Informações no que se refere aos dispositivos legais, históricos, geopolíticos, linguísticos e identitários que respaldam a manutenção dessa oferta na Parte Diversificada da Matriz Curricular do Currículo Escolar, complementando-o e, portanto, cumprindo a implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC).
Os Anexos I, II e III subsidiarão as discussões, reflexões e deliberações do CONSELHO ESCOLAR, órgão máximo e de maior representatividade de cada COMUNIDADE ESCOLAR (estudantes, pais/mães, professores/as, pedagogos/as, funcionários/as, etc.) de cada escola, a partir de amparos legais, históricos, geopolíticos, linguísticos e identitários para a manutenção da oferta da Disciplina Curricular de LEM-Espanhol na Rede Pública Estadual de Educação Básica do Paraná.
Leia na íntegra as Orientações (Anexos I, II e III): clique aqui.

#FicaEspanholnoParaná


sábado, 28 de septiembre de 2019

APEEPR participa de discussões sobre a oferta da Língua Espanhola no Paraná #FicaEspanholnoParaná


JORNADA DIDÁCTICA PARA PROFESORES DE ELE - Instituto Cervantes de Curitiba

“Enseñar español en el sur de Brasil:
realidades, prácticas y retos de los estados de frontera”
Curitiba (PR), 28 de septiembre de 2019 

1.¿Cuáles han sido los logros y fracasos de la derogada ley Nº 11.161, de 5 de agosto de 2005, para la implantación de la enseñanza del español? 2. ¿Qué se puede hacer para impulsar la enseñanza del español desde la derogación de dicha ley? 3. ¿Qué se hace desde cada institución para promover la enseñanza del español? 4. ¿Cuál es el papel de la lengua española en la BNCC?

Participantes: Instituto Cervantes de Curitiba (ICC), Associação de Professores de Espanhol do Estado do Paraná (APEEPR), Universidade Federal do Paraná (UFPR), Instituo Federal do Paraná (IFPR) e Secretaria Municipal de Educação de Curitiba (SME).





#FicaEspanholnoParaná
@ficaespanholnoparana