miércoles, 28 de septiembre de 2016

Hegemonia Linguística e Monolinguismo: A (ir)relevância das Línguas Estrangeiras Modernas na “Reforma de Temer”

O Presidente da Associação de Professores de Espanhol do Estado do Paraná (APEEPR), Profº Gilson Rodrigo Woginski, participou neste quarta-feira, 28/09/2016, do seminário “Ensino Médio: retrocessos e ameaças da Medida Provisória”, promovido pela APP Sindicato/PR. Sua participação se deu com o subtema "Hegemonia Lingupistica e Monolinguismo: a (ir)relevância das Línguas Estrangeiras Modernas na  Reforma de Temer". Ainda, se fizeram presentes no debate profissionais da Área de Arte, Educação Física, Filosofia e Sociologia. A APEEPR continua com sua luta pelo MULTILINGUISMO no ensino de línguas estrangeiras e é contrária a qualquer ação antidemocrática que imponha novamente uma educação pautada no Monolinguismo. A APEEPR pede para que TODOS(AS) os(as) PROFESSORES(AS), PESQUISADORES(AS) de TODOS OS IDIOMAS, os estudantes e seus pais reflitam sobre estes três questionamentos: 1) estamos (re)afirmando uma ausência da Diversidade Linguística no Brasil?; 2) estamos supondo, que a partir da atual MP, é aconselhável esta Política Linguística?; 3) estamos preservando e/ou impondo uma homogeneidade linguística? A propósito, quem definiu isso tudo? Com base em que? Por quê? Será que foram profissionais com "notório saber"?



No hay comentarios:

Publicar un comentario